Eliane a Rio de Janeiro em abril de 2009

Caro Luis Paulo,

Escrevo ainda sob o impacto do recital de ante ontem de Eliana Rodrigues. Foi absolutamente extraordinário. Há anos não se ouve no Brasil nada parecido. A musicalidade desta moça, mesmo por vezes com uma visão pessoal de algumas obras, transcende tudo o que eu poderia dizer.

E sem dúvida (e de Longe) a maior pianista brasileira. Afirmo isto com muita segurança e tranqüilidade. Eu não a conhecia (no período que estudou com o Estrella eu morava na Europa). Só ouvia falar dela que foi realmente um prodígio musical na época do Cocarelli (inclusive ganhou o 1 lugar de um concurso na sala onde o Cocarelli tirou 2).

Minha mãe não se conformava dela nunca mais ter voltado ao Brasil. Em sua homenagem convidei-a este ano para nossa serie Pianíssimo. Sabia que era muito boa pois o Estrella jamais deixou de repetir que ela fora de longe o maior talento que passou por suas mãos (e teve inúmeros.....).

Luis Paulo, passei minha vida ouvindo e convivendo com os maiores pianistas do mundo. Entendo profundamente de "piano"; (sorry pela falta de modéstia mas a estas alturas da vida tenho o direito de fazer afirmações) Eliana Rodrigues, ante ontem na Sala foi uma revelação que deixou o publico que lotou a Sala em delírio. E... Com um programa dos mais pesados. Soube por amigos do A. Brendel que este, ao ouvir a 111 pela Eliane, ficou estarrecido e em estado de graça. Não podia compreender que uma brasileirinha pudesse dar uma versão tão fantástica deste monumento pianistico.

Eliane Rodrigues tem o mesmo nível de uma Alicia, Maria João, Guiomar Novais. Detesto comparações pois antes de tudo cada um tem sua própria personalidade.

Temos que lutar para que tenha o lugar que seu talento merece. Não tenho nenhum interesse pessoal a não ser por questão de justiça e pelo orgulho que tenho como brasileira de saber que esta terra produziu uma artista deste quilate.

Sinto que tenho obrigação, pelo amor à musica que tenho, de fazer o impossível para que Eliane Rodrigues ocupe o lugar que merece no Brasil. Não pouparei esforços neste sentido.
Aconselho firmemente que você não deixe de ouvi lá na primeira oportunidade que surgir.

Eliane tem 61 concertos no repertório... Seu Beethoven n4 é conhecido como antológico. Aconselho a pensar seriamente nela para o próximo ano.
Abraço cordial da
Myrian

Myrian Dauelsberg
Presidente
Dell'Arte Soluções Culturais
www.dellarte.com.br